A vida não é assim tão linear

É uma afirmação que faz todo o sentido em algumas situações.
Faz sentido numa gravidez normal!
Quando há problemas de infertilidade todo o processo é uma incógnita.
As condições vão ser criadas. A medicação para estimulação ovárica vai ser tomada. Os óvulos e espermatozóides cruzar-se-ão em laboratório.
No entanto, apesar da permissão e criação de condições, nada é certo.
Nós vamos permitir, os médicos vão até ajudar a criar as condições adequadas.
Ainda assim, a gravidez pode não acontecer.
A infertilidade é um problema mesmo injusto.
A cada dia que passa mais ansiosa estou com a FIV.
Mais desejo poder começar a fazer algo que apazigúe este meu Síndrome de Kalman.
Este mal dito que me obriga a recorrer a centros de reprodução humana para poder ter um filho biológico.
Nunca pensei sentir-me assim.
Sempre me imaginei a adotar, para não ter um “filho da medicina” como dizia eu antes de conhecer o meu Smurf.
Agora, ao lado dele, há em mim um imenso desejo de ser mãe biológica.
Trazer a este mundo um ser humano com os meus genes e os dele.
Um bebé onde procuraremos parecenças com um e com outro.
Um ser para completar a nossa família de dois.
Um sucessor por quem vai valer a pena fazer casa, amealhar dinheiro.
Que dará continuidade ao que deixaremos nesta vida um dia mais tarde.

Enquanto nem a gravidez chega continuamos a lutar, a tentar,a rezar contra este meu injusto síndrome.
Contra o síndrome de Kalman e a infertilidade que provoca em mim.

Juntos os dois. A sonhar e desejar um dia sermos três.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s