Ter um cão

É ter um animal de estimação. Uma companhia.
Se há coisa que não percebo (entre muitas outras) é a tendência das pessoas quando vêem um casal sem filhos e com um cão dizerem coisas como:
-Então, agora é o vosso filho? [claro que sim, não se vê logo que é a nossa cara?]
-Porque é que não arranjam antes um filho? [Pensámos nisso mas no OLX não vendiam filhos e dos cães que encontrámos escolhemos este]

Não é este tipo de resposta que as pessoas deviam ouvir?
[Ainda pensámos responder que eu tenho um problema hormonal e estamos à espera que nos chamem para nova FIV. Mas não valia a pena. Se não quisemos contar até agora, também não seria o momento.]
Mas mesmo assim. Tudo bem que as pessoas não sabem dos problemas de infertilidade mas seja de que maneira for. Pessoas férteis podem ter cães certo? Ou só se admitem cães depois de se ter filhos?
Vocês por aí tem animais de estimação? Cães ou gatos (principais alvos destes estereótipos)? Também ouvem coisas deste género?

image

Anúncios

6 thoughts on “Ter um cão

  1. Olá minha querida Smurfina
    Nós temos muitos peixinhos aqui em casa… eu tive um cão uma Daisy 12anos e fiquei muito triste quando ela morreu ainda não consegui ter outro animal 😦 o que deixa o Jonny muoto triste

    Beijinhos e um bom fim de semana

    Gostar

    • Eu tenho medo de imaginar que o meu cão pode durar apenas 12 a 15 anos.. Porque 12 a 15 anos com um cão é tempo demais para depois o perder..
      Mas agora quis focar-me em tê-lo e aproveitar a sua companhia.. Em 12 anos pode acontecer tanta coisa que preferi não pensar nisso..
      Pensa nisso.. Fazias uma surpresa ao Jonny.. (já fizeste o exame da toxoplasmose? Tem mais a ver com gatos mas é sempre bom saber :p)
      Beijo grande.
      Bom fim de semana para os três 😀

      Gostar

  2. Olá querida Smurfina, em primeiro lugar belo tópico 😉
    Nós também temos um animal de estimação, um cão, que é a nossa perdição 🙂 Felizmente nunca ouvi disparate nenhum desses, mas acredito que o dizem por trás. Até porque quando o vamos passear à rua, às vezes vimos uns certos olhares, que me levam a pensar que o que vai naquelas cabeças é esse tipo de perguntas.
    Enfim, nós lutadoras da infertilidade, passamos por todo o tipo de agressões psicológicas por parte das pessoas.
    Eu já tinha o meu cãozito quando estive grávida e acredita que foi ele que me ajudou imenso na perda :-(… Eles são incríveis!!!! Sentem tudo…
    Beijinhos grandes!

    Gostar

    • A nós já nos tinha acontecido quando arranjámos os grandes (2 arraçados de pastor alemão que temos na rua – acho que as coisas mudaram quando lhes fizemos um canil fora de casa). Agora com um Yorkshire em casa ui, que cinema..
      Eu percebo-te perfeitamente, os cães são das melhores companhias e dos melhores apoios que podemos ter.
      Mas daí a substituírem um filho vai uma grande distância. Só que as pessoas não compreendem isso. Se um casal tem um cão sem ter um filho é porque por qualquer razão o cão substitui a criança (não percebo como).
      Até te digo mais, para mim o conceito de família ideal é composta pelo casal, filho(s) e um cão. Em criança sempre quis um cãozinho em casa e gostava de poder dar esse privilégio a um filho (para sua segurança até convém que o cão já não seja cachorro e já esteja minimamente ensinado) por isso, mesmo que pudesse ter filhos de forma natural ia querer sempre um cão. Não vejo o cão como substituto mas sim como complemento a qualquer família.
      Há casais que não fazem tratamentos e optam por tratar os cães/gatos como filhos. Eu não o faço (por enquanto, não sei o que me reserva o futuro). Mas também não sou contra e compreendo perfeitamente. Cada um lida com a infertilidade da forma que se sentir melhor..
      É triste que haja pessoas assim mas é o país em que vivemos..
      Beijo grande *

      Gostar

      • Penso de igual forma…
        Um animal de estimação não substitui um filho.
        O meu também tem a sua casota no quintal.
        E o meu ideal de família também é filhos e um cãozito 🙂
        Espero que consigamos a duas ter a nossa família ideal.
        Beijinho!

        Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s