Su-rre-al

É o melhor adjetivo que encontro para a consulta de hoje (se é que aquilo que se passou hoje se pode considerar consulta).
Pois que estava marcada para as 11h30, chegámos às 11h33.
Estacionamento é mentira, havia imensos carros parados junto ao passeio e um Sr polícia a apontar todas as matrículas.
Após 1h na sala de espera lá entrámos e a consulta foi apenas para dar o resultado da anti-mulleriana – 0,6 [Os resultados podem variar mas o ideal seria que o valor fosse 2] e informar que o caso vai ser levado a nova reunião só para esgotar possibilidades e não dizermos que desistimos. Basicamente é por descargo de consciência. Até porque temos direito a três tentativas no público e teoricamente ainda não fizemos nenhuma porque nenhum dos três tratamentos chegou à transferência.

Posto isto, referi que a enfermeira tinha falado na questão da ovodoação, ao que a doutora respondeu “sim, tem a possibilidade da ovodoação ou da adoção”. E que, normalmente transferem para ovodoação mulheres com cerca de 38 anos (quase a atingir a idade limite para tratamentos no público).
Fiquei sem perceber o que aconteceria depois desta última  tentativa, caso o tratamento voltasse a ser interrompido..
Agora vou tentar entrar em contacto com um médico do Porto para pedir uma segunda opinião sobre fazer ou não esta última tentativa em Coimbra.
E foi surreal porque? Porque vivo a cerca de 150km dali [300 ida e volta] e, na minha humilde opinião, uma informação destas podia ser dada por telefone mas tudo bem..

Sobre a ovodoação, a única coisa que a doutora referiu foi que só se faz no Porto (como tinha dito a enfermeira) e que as listas de espera são de 2/3 anos (como já tinha lido no demaeparamae.pt) rematando que “as listas de espera são de 2/3 anos mas vocês ainda são novos, não é nada por aí além”. Claro que não aliás, nós andamos em tratamentos agora para ter um filho daqui a meia dúzia de anos claramente (ok, sabemos que havendo problemas de infertilidade pode acontecer mas não esperamos estar 2/3 anos em standby, esperamos ir tentando).
E hoje foi isto. Mais uma desilusão para juntar à lista 😦  

Anúncios

16 thoughts on “Su-rre-al

  1. Pingback: Carta de consulta | Cantinho dos Smurfs

  2. Enfim, para quem está fora parece tudo muito fácil… esperar pela coisa que mais queremos na vida! Mas não desanimês..procura segundas opiniões, há sempre médicos e médicos.. muita força!
    Beijinho grande

    Gostar

    • Pois, a médica tem dois filhos. Para ela é fácil falar 😦
      Sim, vou pedir segunda opinião mas não me parece que haja muito a fazer, a não ser ovodoação..
      Então e tu, como está a tua situação?
      Beijinho grande *

      Gostar

      • Bem, eu tive a consulta na sexta, na qual esperava que me dessem a medicação para começar o tratamento, porque foi o que a outra médica me disse. Mas não, viram o resultado dos últimos exames, e marcaram me uma consulta para o Apoio à fertilidade, que lá sim dar-me-ao as injecoes para estimular a ovulação.. do mal o menos, a consulta é já na próxima sexta..já estou ansiosa! Só espero que lá não me mandem fazer mais exames 😕. Mas já agora tenho uma questão que talvez me possas ajudar: Eu acabei agora de tomar a pílula, veio o Red e lá disseram me na comulta que como ia começar o tratamento não tinha de tomar mais..mas nas pesquisas que tenho feito, todas falam que tiveram que esperar o Red para começar o tratamento, ora..Nós sem pílula não temos Red..como foi contigo?
        Beijinho grande

        Gostar

        • Em princípio no primeiro tratamento terás de fazer também uma consulta de genética – onde te fazem perguntas sobre doenças familiares e falam sobre genes e cromossomas – expliquei os primeiros passos todos neste post https://cantinhodossmurfs.wordpress.com/2014/06/).
          Quanto ao Red, supostamente temos de esperar que venha mas a mim tem-me acontecido começar sem Red porque mandam-me tomar Trisequens antes do tratamento, o Red vem a meio do medicamento e não no final. E tenho começado na mesma – desde que o endométrio esteja em condições não há problema 🙂
          É estranho não te terem mandado tomar nada.. Se calhar viram que estava tudo em condições 🙂
          Beijinho grande e desejos de toda a sorte do mundo.
          Sexta feira dá notícias 🙂 *

          Gostar

          • Exacto, essa consulta de genética já fiz.. por isso é que espero mesmo que seja para começar o tratamento… amanhã já vamos ver 🙂
            E tu como tens estado?
            Beijinho grandeee*

            Gostar

            • Oh, cá ando. Sem grandes novidades. Pedi uma segunda opinião que me aconselhou a fazer este tratamento em Coimbra.. A ver se faço um post, mas basicamente foi isso. Porque quantos mais fizer, maior a probabilidade de sucesso. Não estou muito confiante mas pronto..
              Vais ver que amanhã vai correr bem e vais começar 😉
              Beijo enorme *

              Gostar

              • Não, enfim.. estou super triste..porque parece que andam a brincar. A endocrinologista mandou-me para a pré-concecional não sei para que, andei a perder tempo. Ali fizeram-nos mil perguntas, fizeram-me um citologia novamente etc, mandaram o meu namorado fazer um espermograma (para não me andarem a dar hormonas em vão, caso daquele lado não esteja tudo bem). Pediram-me uma carta da endocrinologista e do neurocirurgião que me seguiu a confirmar que não havia problema começar a receber as hormonas. E agora pior que tudo.. Só temos consulta novamente em Janeiro, para ai sim me passarem a medicação…Enfim, cá andamos! e tu sempre vais fazer novo tratamento? Pensamento positivo! Beijinho enormeeee*

                Gostar

                • A sério? Fogo, pediram-te tanta coisa :s Pois, eles têm de fazer sempre o espermograma. Nós dissemos que eu tinha este problema mas responderam que o homem tem sempre de fazer o espermograma (para terem a certeza de que está tudo bem com a parte masculina).
                  Mas pelo menos podiam-te ter dito logo que ainda não ias começas.. Enfim..
                  Onde andas a ser seguida?
                  Eu estou à espera que me digam alguma coisa. Se for aprovada em reunião sim, faço mais este em Coimbra..
                  Beijinhos grande *

                  Gostar

              • Pois, é que tive três consultas de obstetrícia pré-concepcional para nada basicamente..porque mesmo os exames que lá me mandaram fazer ali também me mandavam..com a diferença que na pré não avançam para tratamentos, e no apoio à fertilidade é a especialidade deles.. e é isso que me chateia mais. Porque para eles três meses não é nada..Para nós três meses é uma vida quando se está à espera de uma coisa que tanto queremos.. Eu estou a ser seguida no Hospital Santa Maria. Fui operada lá aos três anos, e daí sempre fui lá seguida e sem qualquer motivo dé queixa, só esta agora 😦
                Pois, espero que te aprovem para mais um tratamento, quem sabe se não é desta! Tenta ter pensamento positivo, às vezes faz milagres! Sei que custa ressuscitar a esperança quando sabemos o que custa quando nos desiludimos..mas se correr bem também vale a pena 🙂 Beijo grande *

                Gostar

                • Pois, foi mesmo só para perderes tempo fogo :s
                  Eu tenho esperança que vou conseguir.. Mas não em Coimbra :\ Estou mesmo indecisa sobre fazer este tratamento ou não. Ontem vieram fazer um comentário aqui ao blog que me deu mais razão nesta falta de esperança sobre Coimbra.. Fiquei outra vez reticente. Enquanto não disserem nada sobre a reunião, nem sequer está nas minhas mãos.. Mas mesmo assim, uma pessoa nunca deixa de pensar no assunto :s
                  Obrigada e vais ver que o teu tratamento vai correr bem em janeiro, para começares bem o ano 😀 hehe
                  Beijinho grande *

                  Gostar

  3. Olá querida Smurfina,
    realmente há pessoas que não têm consideração nenhuma por nós…
    Tantos Km’s para isso……..
    Também nós costumamos ouvir muito “ainda são novos”, mas já passaram 5 anos 😦
    Enfim, continuamos sempre na HOPE!!!!!!!
    Beijinho muito grande!

    Gostar

  4. Xiça. Realmente é a gozar com a cara de uma pessoa, fazerem uma consulta só para dizer isso. Isso e os bitaites de “ainda são novos”, parece que estão a desvalorizar a situação ACTUAL e MUITO ABORRECIDA das pessoas. Já para não falar nos rios de dinheiro que esses tratamentos devem custar.

    Enfim. É mesmo fazer os possíveis para não perder a esperança!

    Gostar

    • Como estamos no público, cada tratamento fica “só” em cerca de 1 ordenado mínimo (entre medicação e deslocações). “Só” porque na privada são cerca de 6/7 mil euros..
      Se há coisa que irrita mesmo muito alguém que está nestes tratamentos são frases como “ainda são novos”, “deixa lá, descansa e namora muito que engravidas”, “olha, se não der é porque não é para dar, Deus lá terá outros planos para vocês”..
      Epah e uma médica num Centro de Reprodução Humana tem obrigação de saber isso e não se sair com uma resposta destas mas enfim.. No público já se espera tudo 😦
      Mas, mesmo esperando tudo, acabam sempre por me surpreender, pela negativa claro :/

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s