Ando com pouca paciência..

Cada vez tenho menos paciência! Cada vez quero mais que cada um se meta na sua vida e deixe a minha sossegada.
Cada vez faço menos fretes. Se não me apetece estar com uma pessoa não vou, se parecer mal paciência.
Agora é aquela altura em que chegam os emigrantes e os que não são emigrantes mas vêm visitar a família.
E com eles começa a época do “Então e vocês? Quando têm um filho?”
E uma pessoa vai dando a volta, fingindo que a pergunta não está a incomodar e que somos nós que ainda não queremos filhos.. Até chegar o dia em que me apanhem com menos vontade de responder e que saia algo do género “E a senhora, quando vai começar a não se meter na minha vida?” ou “Olha, quando me apetecer!”
Este ano estou mesmo com pouca paciência para esse tipo de perguntas.
13781919_1062215020481574_3678124456627997902_n

Anúncios

5 thoughts on “Ando com pouca paciência..

  1. Como te compreendo Smurfina…
    Também já não ando com paciência nenhuma para essas perguntas “PARVAS”.
    Ainda ontem, no meu local de trabalho, onde todo o pessoal sabe que passei por um aborto complicado, uma colega vira-se para mim e diz: “Que cinturinha tão fininha!!! Quando engravidares onde colocas a criança?”
    Eu fervi…………………………………………………………………………………………
    Mas suspirei fundo e contive-me, mas acredita que foi difícil.
    Nós somos muito mais fortes que essa “gente” toda. E vamos dar a volta por cima…
    Beijinho grande!

    Gostar

  2. Detesto quando fazem essas perguntas (e o também “quando casas” no meu caso). As pessoas estão à espera do quê, que lhes respondam “sim, estamos a tentar”, como se isso fosse algo a anunciar aos sete ventos? Querem estar presentes no momento da concepção? Irra, quando houver algo a anunciar anuncia-se!
    No meu caso é só por as pessoas serem chatas, mas no teu nem imagino a dor que causa. Um beijinho e muita força

    Liked by 1 person

    • A mim também há-de vir alguém dizer “então casaste e não disseste nada?” Mas isso só pessoal emigrante (os de cá já foram dizendo ao longo do ano 😆).
      O meu caso é +/- como o teu mas com a agravante de já andarmos a tentar mas as pessoas não saberem de nada.
      Mas mesmo assim, para evitarem casos como o meu, não deviam fazer essa pergunta a ninguém.. Que mania de se meteram na vida dos outros baah.
      Obrigada. Beijinho

      Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s