Já nasceu

Desculpem, estou em falha para convosco.

A nossa princesa já nasceu. Com 3,195kg e 48cm

Nasceu 10 dias antes da data prevista porque eu perdi líquido amniótico.

Graças a Deus foi tudo detetado a tempo, provocaram o parto, o corpo não reagiu por isso fizeram cesariana.

A nossa princesa nasceu saudável e agora somos 3. Temos a nossa família completa!

Gastámos algum bastante dinheiro e andámos 4 anos a lutar. Se valeu a pena?

Não há dúvida que sim!

Valeu a pena toda e cada viagem para Coimbra, Porto e Lisboa com mais ou menos esperança!

Valeu a pena cair e voltar a levantar!

Valeram a pena as 2 interrupções de tratamento, a não fecundação e o negativo para terminar com o positivo!

Valeram a pena o descolamento de placenta, as preocupações com alimentação por causa da toxoplasmose e a perda de líquido amniótico para ter agora a nossa guerreira nos nossos braços!

Só percebemos o quão fortes somos quando nos colocam à prova.

Agora, olhando para trás, percebemos que tanto nós como a nossa princesa fomos mesmo uns guerreiros. Nunca desistimos e agora estamos juntos, agora somos uma família de três!

Serve a nossa história para vos mostrar que é possível! Que não devem desistir.

Enquanto tiverem dinheiro [infelizmente sem dinheiro não se consegue nada quando falamos de infertilidade] não desistam! Acreditem que tudo vale mesmo a pena!

Como já tinha dito, este blogue deixa de fazer sentido porque a luta contra infertilidade acabou [graças a Deus] mas não o apago. A nossa história fica aqui publicada e o email deste blogue continua ativo.

Qualquer coisa de que precisem não hesitem. Eu continuo deste lado para vos ler e ajudar no que puder!

Anúncios

Carta de consulta

A minha morada fiscal ainda é em casa da minha mãe que me ligou ontem a perguntar se eu queria que abrisse uma carta que chegou do HUC. Claro que queria, era disso que estava à espera. Disso e de um telefonema.
Eu sei que as consultas são marcadas por carta mas na última FIV3 ligaram a mandar tomar 3 caixas de Trisequens para, posteriormente, iniciar nova FIV.
Desta vez marcaram apenas consulta para 7 de dezembro. Ora, após a última consulta surreal, não quero arriscar fazer quase 400 km só pela receita do Trisequens.
E porque é que eu acho que dia 7 é só para receitar o Trisequens? Porque acabei-o dia 26 de agosto e fiz nova tentativa que foi interrompida a 18 de setembro. Desde então não tenho tomado nada – nem pílula, nem Trisequens..
Ora, de certeza que dia 7 de dezembro não é para começar nova FIV.
Ou é para receitar Trisequens ou para dizer que não fui aceite em reunião..
Hoje já telefonei para lá mas a Dtra estava na maternidade. Mandaram-me ligar de novo amanhã. Vou pedir-lhe que me poupe os 400km de ida e volta e que me diga já se é para tomar Trisequens a partir de dia 7 de dezembro.

A justificação da ausência

Estou sem dados móveis e em Coimbra (no São Jerónimo do HUC) não temos Wi-Fi. De Coimbra fui para casa da minha mãe o que significa estar com os primos que já não vejo há algum tempo. Tínhamos compromissos sábado e precisávamos de ultimar uns pormenores, o que ocupou o resto da tarde e noite de sexta. Daí ter respondido aos comentários aquelas lindas horas [desculpem Hope, mãe-sabichona e Poppi mas não deu mesmo para responder antes].
Domingo foi dia de vegetar. Recuperar do cansaço acumulado..

Em relação ao tratamento temos de esperar a consulta com a Dtra e ir pensando na questão dos óvulos doados. O Smurf já disse que por ele está tudo bem, independentemente da minha decisão. Eu acho que sim, que aceito. No entanto, quero refletir com mais calma sobre o assunto, só para ter a certeza do que quero.
E vamos continuar juntos os dois, a desejar muito ser três

Egoísmo ou coragem?

Sobre ter sucesso numa IIU (Inseminação Intrauterina) e continuar a tentar ter mais filhos:
Há quem pense que se trata de egoísmo por se ocupar o lugar de casais que ainda não tiveram nenhum filho.
Outros, como eu, consideramos um ato de coragem.
Coragem de continuar a realizar tratamentos. Coragem de não saber quando se voltará a ter sucesso.
Coragem de mesmo assim continuar a tentar. Coragem não desistir.
Sobre a vida e o corpo de cada um, ninguém se deveria intrometer.
Se cada um tratasse apenas da sua vida e deixasse a vida alheia éramos todos mais felizes.

Aceito e agradeço a preocupação de toda a gente que me quiser apoiar.
Ignoro e desprezo quem vier para me criticar.
Quem na minha vida por bem se cruzar, bem eu irei aceitar.
Aceitar e agradecer, do fundo do meu coração.
Quem por mal na minha vida se cruzar, da minha vida acabarei por expulsar.
Não tenho espaço para que não vem por bem.

Quando estamos mal não precisamos de ninguém que nos mande ainda mais para baixo.
Precisamos é de quem nos ajude a voltar para cima.
Quem vem para ajudar. Quem vem por bem.
Se vierem para criticar, escusam! A vossa opinião não contará nem um bocadinho.
Não me deixo afundar por críticas destrutivas.
Posso sim melhorar com críticas construtivas. Críticas de gente que vem com boas intenções.